Anfetaminas

As anfetaminas contribuem para a falta de apetite e, consequentemente, para o emagrecimento. No entanto, produzem vários efeitos colaterais.

As anfetaminas são drogas produzidas em laboratórios que agem no sistema nervoso central, causando insônia, falta de apetite e euforia intensa.

Ela também é conhecida por outros nomes populares como: “rebite”, que é muito consumida pelos caminhoneiros que precisam passar horas sem dormir, como “ecstasy”, que é muito comum entre os jovens em noitadas e raves e também como “bolinha”.

Normalmente utilizada por estudantes que viram a madrugada estudando para a prova do dia seguinte. Dito isso, ela também ajuda a emagrecer. Portanto, saiba um pouco mais sobre ela aqui.

Vou perder peso com Anfetamina?

Como um dos seus atributos é inibir o apetite, a anfetamina é um dos remédios para emagrecer mais consumidos e utilizados no país, sendo um vigoroso anorexígeno, agindo no cérebro para que ele transmita uma mensagem de saciedade ao organismo. Dessa forma, você sente menos fome se alimenta menos e, portanto, começa a perder peso.

Contudo, essa falta de apetite é apenas temporária, pois, ao logo do tempo, o organismo se acostuma e parra a ser tolerante à droga, diminuindo drasticamente e até cortando o seu efeito.

Dessa forma, é necessário ingeri-la mais vezes ao dia e por um período maior, o que pode acarretar em um quadro de anorexia, uma doença que faz as pessoas acharem que estão sempre acima do peso, e por isso param de se alimentar, podendo até morrer.

Por isso, a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu a venda de anfetaminas sem receita.

Assista ao vídeo com a Dra Priscylla Kaled que fala sobre anfetaminas:


Quantos quilos é Possível perder em Média?

Dependendo do caso, é possível perder até 10 quilos em 1 mês. Mas, como já foi dito acima, não é indicado que a ingestão desse medicamento seja por longos períodos. Além do mais, ele é receitado apenas em casos de obesidade pessoas com IMC a partir de 30.

Uma outra característica desse medicamento e que quando você parar de usá-lo, há uma grande chance de voltar ao peso original ou até ganhar mais peso.

Se tratando de emagrecimento ainda não existe nenhuma pílula mágica que te faça perder peso. O mais indicado pelos endocrinologistas e especialistas na área e: praticar atividades físicas regulares somadas a uma reeducação alimentar. Esse é o melhor modo e comprovado de perder medidas sem voltar a recuperá-las.

Quais os Efeitos Colaterais?

Por atuar estimulando o sistema nervoso central e intensificando a neurodrenalina, que ativa pequenas partes do sistema nervoso simpático, esse medicamento produz efeitos semelhantes aos da adrenalina: coração e órgãos funcionam acelerados.

Isso pode causar arritmias, aumento da pressão sanguínea, diarréias, tremor das mãos, boca seca e irritabilidade intensa. Em alguns casos, ocorre prisões de ventre, que se alternam com as diarréias.

As anfetaminas agem no cérebro gerando uma sensação de bem-estar e auto-confiança, o que faz com que seus usuários sintam-se mais felizes, eufóricos e felizes durante o efeito. Porém, quando o efeito acaba, o quadro de depressão, cansaço e sonolência se instala.

anfetaminas -cerebro

Com essa quantidade de efeitos colaterais negativos, essas drogas trazem algum benefício? Na verdade um dos poucos se não o único, é para os portadores do Transtorno de Déficit de Atenção (TDAH), que ficam mais concentrados e atentos e os narcolepsos, que sentem sono excessivo.

Contra Indicações

As anfetaminas são contra-indicadas para pessoas que sofrem de problemas cardiovasculares, depressivos e gastrointestinais. Gestantes e idosos também devem ficar longe delas.

Se você quer saber mias e onde comprar esse medicamento, procure antes pelo seu médico, pois só será possível comprá-lo com a prescrição médica. Entretanto, pense bem nos seus efeitos colaterais para não sofrer com eles após a ingestão de anfetamina.

Deixe Seu Comentário